Máscara de Hidratação Capilar da Sal da Terra

100_2709

Assim que a Aline lançou a máscara capilar da Sal da Terra ela me enviou um potinho para testar e desde então venho usando 1 vez por semana (e gostando muito, diga-se). Segundo a marca, a Máscara de Hidratação Capilar foi desenvolvida com Manteigas, Óleos Vegetais e Óleos Essenciais altamente emolientes, especialmente selecionados para a hidratação capilar.

Bom, vou começar confessando que a minha primeira experiência com essa máscara foi um completo desastre propositalmente. Eu explico: lavei o cabelo bem lavado com shampoo, depois sequei o excesso de água e apliquei a máscara como se fosse uma máscara comum – usei uma colher de sopa cheia do produto, espalhando no comprimento do fio. Esperei uma hora e enxaguei.

Eu já sabia que ia dar errado porque é uma máscara completamente hidrofóbica (repleta de óleos e manteigas vegetais), definitivamente ela não se comporta como uma máscara comum (que basta aplicar e tirar com água), mas usei assim primeiro para saber como seria o resultado (sabendo que algumas pessoas podem cometer o mesmo erro).

Meu cabelo ficou uma nhaca, grudado e ensebado, como se eu não lavasse há 1 mês (minha reação). Tive que lavá-lo por três dias seguidos para ele voltar ao normal. Conclusão: essa máscara não funciona como uma máscara comum, portando o melhor jeito de usá-la é o seguinte:

  • Reparta ao meio seus cabelos, secos, antes de lavar. Para cada metade do cabelo, pegue a quantidade equivalente a uma pontinha de colher de chá de produto (se você tiver mais cabelo, aumente a quantidade), coloque na mão e espalhe nas mesmas, derretendo a máscara até que vire um óleo. Aplique no comprimento do fio (do meio às pontas), prenda um coque, abafe a cabeça com uma touca de banho normal, espere 30 minutos (ou 2 hora ou de um dia para o outro) e então lave o cabelo normalmente, com shampoo e condicionador. Depois, se você quiser aplicar um leave-in antes de secá-lo até pode, mas eu prefiro não aplicar nada para não pesar o fio.

O tempo que você deixará a máscara no cabelo vai depender do quão danificado está seu fio. Se o seu cabelo é normal, 30 minutos é o suficiente, se é seco, 2 horas servem, se for bem danificado, pode ser de um dia para o outro (umas 8 horas, por aí).

O ideal não é emplastar o cabelo com a máscara e deixá-lo grudado (porque depois da lavagem ele vai ficar pesado e esquisito). O interessante é você aplicar uma quantidade mediana e homogeneamente, de modo que você perceba que todos os fios receberam o produto. Após a aplicação o cabelo ficará com um aspecto oleoso sim (afinal, você está passando óleo e manteigas vegetais nele), mas não emplastado, e depois da lavagem, se tudo sair nos conformes, ele ficará normal (e hidratado).

100_2711

Bom, agora falando do produto finalmente, a textura é sólida à temperatura ambiente, mas ao esfregar nas mãos ele vira um óleo (interessante, inclusive) de textura consistente. A fragrância é cítrica (predomina a tangerina) e na embalagem é bastante forte (poderia ser mais branda), mas nos cabelos fica menos evidente.

O rendimento é absurdamente bom porque, usando como eu instruí acima, 120 g vão durar 7 eternidades. A embalagem é de plástico bem resistente e transparente, que não é o meu preferido… Em se tratando de ativos vegetais, as embalagens em cores escuras ajudam a preservar melhor os componentes, que oxidam com a luz. Para contornar, basta deixar a sua máscara bem guardada em uma gaveta ou armário, em um lugar seco, fresco e escuro.

100_2713

Falando sobre os resultados, depois que eu me acertei com a quantidade certa para aplicar nos meus fios – que são finos – de modo que não fiquem pesados, foi só amor. Ela hidrata profundamente, dá brilho e deixa o cabelo macio, graças à combinação punk de óleos e manteigas vegetais extremamente nutritivos. Lembrando que tenho cabelo misto e pontas bem danificadas/secas.

100_2874
Cabelo após a aplicação da máscara (e algumas semanas de uso da mesma)

Apesar de ter achado o cheiro forte demais, achei um excelente produto, ideal para quem está procurando algo para nutrir e hidratar profundamente os fios. Só acho importante fazer duas ressalvas: a primeira é que se você tem cabelo muito fininho e não muito ressecado, acho que talvez ela possa ser muito hidratante para você, de repente pode pesar o fio e talvez o Óleo Capilar Reparador Máximo usado como pré-shampoo (do meio jeito que essa máscara) dê mais certo.

A segunda é que se você usa produtos capilares convencionais (que não sejam orgânicos/naturais), que possuem derivados de petróleo (parafina, óleo mineral, petrolato) e silicones, vale lembrar que essas substâncias impermeabilizam o cabelo e podem impedir que os excelentes ativos vegetais dessa máscara penetrem na cutícula do fio. Recomendo a leitura desse post aqui e desse, vai te ajudar bastante.

A Máscara de Hidratação Capilar está disponível no site da Sal da Terra. 

– O produto em questão foi resenhado com base em minha opinião sincera e despretensiosa. A análise reflete o desempenho do mesmo em minha pele/cabelos, bem como no clima do local onde vivo (Cruzeiro – SP, tropical de altitude), portanto o resultado dele pode não ser o mesmo caso você more em local diferente, tenha outro tipo de pele/cabelo, etc.

– O(s) cosmético(s) citado(s) pode(m) conter ingredientes (óleos essenciais, extratos de plantas) que, embora naturais, não são indicados para crianças, mulheres grávidas ou em período de amamentação. Consulte seu obstetra ou profissionais naturopatas caso queira usá-lo(s).

Anúncios

29 comentários sobre “Máscara de Hidratação Capilar da Sal da Terra

    1. Obrigada, Erika! Eu não sei como se saria nessa misturinha aí, mas confesso que eu prefiro ela sozinha, porque ela é bem hidratante. Caso você teste de outras maneiras conta pra mim como foi! beijoss

    1. Juliana, eu não sei se daria certo, nunca tentei, mas eu acho melhor ela sozinha, porque em si ela já é muito hidratante beijoss

  1. Adorei a resenha Nyle! Acho que não daria muito certo para o meu cabelo mas eu poderia usar como hidratante pra pele! hehe!

    1. Olha, essa composição eu não sei se daria pra pele por conta dos óleos essenciais, me parece que é uma composição mais power que talvez possa causar irritação na pele do rosto, mas dá uma perguntada pra Aline, ela vai saber te responder melhor! beijoss

    1. Então, eu alterno… No dia a dia às vezes deixo enrolado e às vezes “liso” (escovo e faço chapinha, mas nada meticuloso, tanto que a raiz às vezes fica toda uó hahahaah aí eu prendo). Nesse dia eu ia pra um aniversário, então fiz uma escova e uma chapinha mais power, mas normalmente não fica liso assim não, na correria às vezes fico parecendo um espantalho hahahahaha beijos

  2. Gostei de voce ter usado do jeito “errado”, pra testar. Eu com certeza faria assim e me arrependeria pra sempre por ter comprado!!haha

  3. Oi Nyle, comecei a acompanhar seu blog a algum tempo já e gostei muito. Você me incentivou a prestar mais atenção nos compostos e agora estou trocando aos poucos os produtos que consumo por orgânicos.
    Eu comprei a algum tempo atrás o sabonete de argila branca da Cativa e gostei bastante, agora fiquei muito interessada nessa máscara e estou pensando seriamente em comprá-la, meu cabelo é misto e na parte de cima é bem seco =/.
    Mas o que eu queria te perguntar é que estou procurando um hidratante facial e gostaria de saber se você poderia me indicar algum que fosse bom para uma pele mista com acne.

    1. Ana Paula, confesso que até hoje estou procurando um hidratante bacana pra minha pele, que é igual à sua! Até agora o que tenho usado é a Água Biológica da marca Livealoe, só que como e´só uma aguinha, às vezes eu sinto falta de algo mais hidratante, sabe? No verão dá pra levar, mas no inverno sinto um pouco de falta. A Cativa lançou hidratante pra pele oleosa, mas eu ainda não testei, então fica difícil falar. A marca Multivegetal tem dois hidratantes que podem servir, que é o pra pele acneica e o pra pele mista. Eu queria comprar, mas estou esperando a marca fazer a reformulação do produto e retirar algumas substâncias chatas que tem na fórmula, creio que em agosto já devem ter reformulado.

  4. Nyle fiquei com uma dúvida que me perturbou – pode parecer besta, mas como eu não conheço a fundo os ingredientes pra mim é um enigma – a máscara é toda composta de óleos e manteigas vegetais, então, dá pra comer isso aí? Tipo, sem passar mal? Não que eu queira realmente comer, só fiquei curiosa.

    1. Nãooo! hahahahah a máscara também contém óleos essenciais, que são extremamente tóxicos se ingeridos. 😦

  5. Você falou que a máscara deixa o cabelo bastante hidratado, mas assim, mesmo usando ela, você sente a necessidade de passar creme pra pentear depois? E se sim, qual que você usa? Eu tava pensando em comprar o creme de pentear da sal da terra, mas to em dúvida.

    1. LArissa, quando uso ela eu seco o cabelo normal, não passo nenhum produto pra secar! Agora, nos dias posteriores eu sempre aplico algo no cabelo pra proteger do secador, evitar o frizz, etc, mas no dia que aplico a máscara nao faço nada! beijos

    1. Karina, eu não recomendaria por conta dos óleos essenciais presentes nela. Pode dar alguma irritação na pele!

  6. Nyle, você tem uma dica de tinta mais segura para eu usar, meu cabelo é cacheado e fino, tentei um tempo com a Henna mas eu tenho muitos fios e mechas brancas não tá ficando legal, conhece produtos ou produto que não agrida ou agrida menos os fios para me indicar?
    Silvana

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s