O alimento importa

dolares

Sempre me indagam sobre a questão de remédios, se eu tomo remédios ou não, e eu fico feliz em dizer que os remédios não fazem mais parte da minha realidade. Desde que passei a me alimentar bem e optar por um estilo de vida saudável eu não tenho motivos para isso, quase nunca eu fico doente, é algo absolutamente raro.

Mesmo quando fico, sempre procuro alternativas naturais como chás ou mesmo alimentos que ajudem a combater determinadas enfermidades. No entanto, não vou ser hipócrita e dizer que se caso o meu estado de saúde vir a ser extremamente grave e não haja nenhuma alternativa fitoterápica (o que eu acho difícil), sim, eu tomaria remédio, mesmo sendo contra. Tenho para mim que, por mais que eu discorde das substâncias químicas usadas e os testes em animais envolvidos, viva eu sou mais útil para a causa animal que morta.

Não adianta morrer defendendo uma causa que, para que ela continue existindo, é preciso que você esteja viva para fazer parte dela. O fato de eu vir a usar remédios em uma situação extremamente necessária, embora seja questionável, não anularia tudo que eu fiz pela causa animal e tudo que eu continuaria fazendo depois que eu melhorasse e não precisasse mais deles. Não digo que eu não mudaria de ideia sobre isso, não sei o dia de amanhã, mas atualmente é o que eu penso, e não peço que concordem comigo, estou apenas expondo o que acho, vocês são livres para discordar!

Bom, eu toquei nesse assunto dos remédios e de alimentação saudável porque sei que muitas pessoas por aí são acometidas por muitos males e simplesmente não se dão conta que eles são reflexo do estilo de vida que elas levam. Se entopem de remédios a torto e a direito e não param para pensar que, se o modo como elas vivem fosse mudado, eles seriam cada vez menos necessários.

Fico triste de ver como a alimentação é colocada em segundo plano nos dias de hoje. Como as pessoas comem mal e o pior, inventam desculpas diversas para justificar isso, sendo que, se elas realmente quisessem, seria totalmente possível se alimentar melhor…

Perdem horas na internet ou fazendo coisas totalmente aleatórias e dizem que não têm tempo para cozinhar. Gastam dinheiro com coisas supérfluas e afirmam que comer bem custa caro. Se preocupam em comprar o carro do ano, mas entopem seus filhos de alimentos ruins porque o que é saudável “custa caro”. Pagam de R$ 15,00 a R$ 20,00 em um drink na balada, mas são incapazes de gastar esse mesmo dinheiro em frutas, verduras, etc… O que eu vejo hoje não é falta de tempo e nem dinheiro, mas sim falta de prioridades.

Gostaria muito que vissem o documentário abaixo, talvez ele te faça mudar de ideia em inúmeros aspectos, principalmente no modo como você está se alimentando!

Anúncios

10 comentários sobre “O alimento importa

  1. “Fico triste de ver como a alimentação é colocada em segundo plano nos dias de hoje. Como as pessoas comem mal e o pior, inventam desculpas diversas para justificar isso, sendo que, se elas realmente quisessem, seria totalmente possível se alimentar melhor…”

    Falou TUDO, Nyle!
    O que eu ouço de gente falando mal do mercado orgânico por causa dos preços é absurdo… quase toda a população média pensa que é perda de dinheiro! Daí, vão ao cabeleireiro e gastam 300 reais para mudar a cor dos fios. Pagam 20 reais POR DIA de estacionamento. Iphone, Ipad, roupas de grife então, são vitais na vida dessas pessoas. E pagar um pouco mais caro por uma fruta, nem pensar.

    Sei que a autonomia das pessoas deve ser respeitada e sim, chovi no molhado (vc já tirou as palavras da minha boca), mas fico revoltada em como a futilidade e a aparência são colocadas antes de TUDO na vida das pessoas. De verdade.

    Beijos!

  2. Oi Nyle, achei o post ótimo! E por curiosidade, sei que vc fumava antes (pelo que li em um post seu), então gostaria de perguntar como vc começou a se alimentar bem, o que te fez ser super consciente em relação aos animais, produtos, alimentos etc? foram os amigos? blogs? influências? A gente sempre se influencia por algo, e seu blog foi o responsável por me influenciar mais e mais nesse estilo de vida que acho maravilhoso (embora difícil).
    Beijos!

    1. Então, Izabel, eu já era vegetariana há alguns anos, mas não era saudável. A compaixão com os animais eu sempre tive, mas estilo de vida saudável eu só fui adquirir bem depois. O que me estimulou a ser assim foi meu próprio blog…Cada vez mais eu pesquisava sobre alimentação, saúde e fui criando consciência do que eu deveria adotar pra minha vida. Fora que eu tinha que dar o exemplo pra vocês, né? Não adianta nada eu vir aqui dizer que alimentação saudável é importante sendo que eu não adoto isso nem pra minha própria vida. Foi uma junção de inúmeras coisas que me motivaram a ser como sou hoje, mas eu poderia dizer que a conscientização e o acesso à informação “me moldaram”! Conhecimento é tudo! beijos

  3. Post ótimo Nyle, adorei! 🙂
    Essa questão da alimentação é bem verdade, é muito mais fácil você negar, passar pra segundo plano a alimentação saudável e remediar todos os seus problemas depois, afinal, pq você ia querer ter o esforço de espremer o suco do almoço se tem tudo pronto? Triste, mas é o que eu ouço desde quando parei de comprar tanto industrializados. :/

  4. Há muito tempo que mudei minha alimentaçao que é a base de muita fruta, verdura, cereais integrais e castanhas, chocolate só amargo que amo de paixão kk, mas depois que vi esse video mudei mais ainda, inclusive atraves desse video e vi varios outros incluse sobre a verdade do leite, vi o video a noite e no outro dia parei de tomar leite e derivados, tb parei com a carne vermelha, pois eu tenho consciência do mal que esses alimentos fazem, o mais triste é que as pessoas não tem consciência nenhuma sobre os problemas da má alimentação, na minha familia todos são assim, infelizmente, e não adianta nada vc alerta-los, eles não dão ouvido, mas fazer o que né, não podemos mudar as pessoas. Ah, estava esquecendo de dizer, tb não tomo remédio, tb nunca fico doente, quando fico procuro alternativas naturais. Bjs

    1. Infelizmente, por mais que você fale, as pessoas não escutam. É triste, mas uma hora elas aprendem… Tomara que seja antes de “pagarem pra ver” o mal que esse estilo de vida causa! beijoss

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s