Sobre como lidar com shampoos orgânicos e usar sabonetes 100% naturais para lavar os cabelos!

IMG_1024
(Foto: http://sonoransoap.blogspot.com.br)

Embora menos nocivos para a saúde e para o meio ambiente, shampoos líquidos orgânicos ou 100% naturais podem ter algumas ‘desvantagens’. A primeira delas é que, ao contrário dos convencionais, por não conter lauril sulfato (veja aqui os motivos pelos quais você deve evitá-lo), eles fazem pouquíssima espuma, causando estranhamento em muitas pessoas. A segunda delas é que, dependendo da fórmula, quem tem cabelo misto ou oleoso pode sentir falta de uma limpeza mais eficaz.

Não digo que nenhum shampoo orgânico/100% natural limpa bem, não é isso, mas muitos deles têm a fórmula suave demais para as necessidades de quem tem o couro oleoso. Na verdade, o problema não é nem limpar de menos: eles limpam, mas para isso alguns ou precisam de reaplicação (você molha o cabelo, aplica o shampoo, massageia, retira e repete o processo – e isso gasta muito produto), ou necessitam de uma massagem bem completa e sistemática no couro para deixar tudo limpinho (e isso gasta tempo). Aí complica!

Como lidar com shampoos líquidos orgânicos/100% naturais?

O jeito correto de usar 

Leia aqui. 

Procure pelo produto certo

Quem tem cabelo misto (como o meu) ou oleoso, há três saídas possíveis: a primeira é encontrar um shampoo orgânico/natural líquido com uma limpeza mais potente – o de Andiroba da Arte dos Aromas (a Heglaé falou dele aqui), o de Acerola da Ikove (vou resenhar em breve) e o de Murumuru da Surya têm fama positiva nesse quesito.

Só vale alertar que os shampoos citados são indicados, principalmente, para cabelos oleosos, portanto tenha em mãos um bom condicionador para evitar um possível ressecamento no comprimento do fio. Aliás, para evitar um pouco desse problema, evite passar shampoo diretamente nessa região, aproveite a espuma já formada na raiz.

Se o shampoo não deu certo, faça-o funcionar!

A segunda é usar dar truque, ou seja, se o produto não limpa como você quer, faça-o funcionar de alguma forma. A Yumi, do blog Projeto Beleza Saudável, ensina nesse post como ela contorna o problema. Assim como eu, ela não se deu perfeitamente bem com o shampoo Lippia Alba da Herbia (falei dele aqui), mas depois que passou a “fazê-lo funcionar”, gostou bastante do resultado.

Se você não pode gastar muito ou se tudo der errado…

Use sabonetes 100% naturais para lavar o cabelo

Por último, a terceira é usar sabonetes 100% naturais/orgânicos nos fios. Essa alternativa eu aprendi com a Michelle do blog Tantas Plantas: há alguns anos ela usou sabonete em barra natural para lavar os fios e desde então nunca mais quis saber de shampoo líquido. Inspirada por ela resolvi tentar e, adivinha, gostei demais do resultado!

O motivo pelo qual eu achei essa alternativa mais bacana é que um sabonete em barra 100% natural e artesanal custa no máximo R$ 12,00 (um shampoo líquido orgânico/100% natural custa R$ 20, em média);  tem um excelente rendimento, dura muito mais que um shampoo líquido e costuma a limpar bastante.

No entanto, vale lembrar que, dependendo da fórmula do produto, como desvantagem o cabelo pode ressecar um pouco, principalmente se o seu for misto.

Por último, acho importante dizer que isso só dá certo se for sabonetes 100% naturais/orgânicos, livre de químicas nocivas, como os da Sachi (a Michelle do Tantas Plantas já resenhou vários aqui) e da Sal da Terra. Sabonetes comuns como, sei lá, Lux, Dove, Phebo e similares não funcionam para isso – a menos que você queira virar um espantalho ❤

  • Como usar sabonete 100% natural para lavar o cabelo: você pode fazer espuma com o sabonete nas mãos e passá-las no cabelo ou pode passar suavemente o sabonete direto no couro (fazendo “riscos” com ele em algumas mechas – não precisa aplicar na cabeça toda) – aí depois você massageia o couro normalmente (só não esfregue o sabonete na cabeça loucamente, pelo amor de Deus!). Evite aplicar o sabonete no comprimento do fio (para não ressecar), aproveite a espuma do couro para lavar a região. 

Shampoo orgânico líquido: que tipo de cabelo costuma a se adaptar melhor a ele?

De um modo geral, shampoos líquidos orgânicos/naturais costumam a dar mais certo para pessoas de cabelo seco a normal (desde que o produto seja indicado para esses tipos de cabelo, claro, se você tem cabelo seco não faz sentido usar algo para cabelo oleoso) – possuem limpeza suave, não agridem o fio, portanto tendem a ressecar menos. Não é uma regra, obviamente, mas costuma a ser assim.

39 comentários sobre “Sobre como lidar com shampoos orgânicos e usar sabonetes 100% naturais para lavar os cabelos!

  1. Adorei as dicas e estou feliz que conseguiu uma alternativa que funcione pra você! Quando queremos, damos um jeito mesmo. Que isso sirva de exemplo pra pessoas que desistem de primeira. 🙂

  2. Boa tarde, queria fazer apenas uma referência a este tipo de champôs, segundo a minha experiência.
    Pelo facto de não fazer espuma (por não ter o sulfato de lauril) estes champôs ajudam a baixar consideravelmente o volume dos cabelos, por isso mesmo não serão adequados para quem tenha cabelo fino e goste de ficar com volume depois de secar, que é o meu caso.

    Tenho caracóis e experimentei um champô do género porque vi na net que seria bom para evitar o frizz, o problema é que imediatamente após lavar percebi que fiquei com menos volume e não gostei. Para quem precise de tirar volume, admito que seja uma excelente opção.

    bj

    1. Diana, isso não é uma unanimidade, pode ser que tenha acontecido com você, mas não é uma regra. Eu tenho belos finos e eles só ficam pesados quando a limpeza não é tão eficaz. Minha irmã tem cabelos bem finos e outro dia ela usou um shampoo natural que eu recomendei a ela… O cabelo ficou extremamente volumoso. Depende muito de cada shampoo, é uma particularidade mesmo. beijoss

      1. Poxa, nem tinha reparado nisso… obrigada pela atenção e informação, Nyle!!! Beijos!

    1. Jeanne, depende muito do dia, sabe? Mas quando vou usar só sabonete, uso somente a espuma pra lavar ou passo a mão no sabonete pra “sujar” a mão e passo no cabelo pra fazer espuma, sabe como? Jamais passo a barra direto no fio se não viro um espantalho ahahah beijoss

    1. Maria, como dito no post, se não for sabonete 100% natural não vai dar certo, portanto esses da Granado infelizmente não servem pro proposito :/

  3. Nyle, você já usou os shampoos sem sulfato da bioextratus (pós-progressiva), o da eh orgânico (cassis) e o da amend (eco therapy)? Até agora só testei o bioextratus e tive muita dificuldade com a falta da espuma

    1. Ana Luiza, esses eu nunca testei. Mas como eu disse, a falta de espuma não quer dizer falta de limpeza. Dê uma olhada nos shampoos da Multi Vegetal, acho que pode te agradar mais. beijos

  4. Boa noite Nyle, adorei seu blog, estou aprendendo muito!
    Eu não uso nenhum tipo de química no cabelo, faço hidratação com condicionador de potão e açúcar e no dia a dia somente shampoo e condicionador,meu cabelo é normal a seco, gostei muito dos produtos Sal da Terra. Qual me indicaria? Estou amamentando, teria alguma contra indicação?

    Muito obrigado e Feliz Páscoa!

    1. Amanda, como você está amamentando eu acho melhor evitar produtos que contenham óleos essenciais. A Sal da Terra tem produtos indicados para bebês, dê preferência a eles, e também tem um sabonete de Oliva, se não me engano, que não leva óleo essencial. Os óleos essenciais podem passar para o leite e não fazer bem para o bebezinho, então é legal evitá-los na medida do possível durante a amamentação, ou usar produtos em que a concentração deles sejam baixíssimas, como os produtos infantis tanto da Sal da Terra quanto da Cativa Natureza. Beijos!

  5. oi, estou conhecendo este método agora e estou amando. o q vc me diz sobre os produtos da Natura(em geral)?

  6. Olá, achei super interessantes suas dicas. Parabéns! Adorei sobre lavar o cabelo com sabonetes naturais, mas fiquei em dúvida sobre como usar condicionador ou como substituí-lo neste caso. Você poderia me esclarecer? Desde já, muito obrigada! 🙂

    Beijos!

    1. O condicionador você pode usar os em creme mesmo, organicos ou bem naturais, acho que nao tem como substituir. beijo

  7. Oi Nyle!
    Comprei o sabonete Vegetal Argila Verde da Arte dos Aromas. Estou pensando em utiiza-lo como shampoo(composição:Elaeis Guineensis (Palm) Oil , Helianthus Annus Seed Oil, Acqua, Sodium Hydroxide, Kaollin, Lavandin oil ,Cymbopogon Citratus Oil, Mentha Arvensis Oil) e meu cabelo está meio oleoso devido tratamentos de alisamento, será que vai funcionar? Quais outros produtos vc indicaria da Arte dos Aromas?

    1. Amanda, acho que pode funcionar, só acho que talvez possa ressecar o seu cabelo ou limpar excessivamente, o que pode ocasionar até aumento da oleosidade. Faça o teste e observe a resposta do seu cabelo!

      Da Arte dos Aromas eu conheço pouca coisa, tipo as argilas. Eu gosto muito das argilas em pó! Eu usei a argila branca em pó deles por muito tempo. beijos

      1. Obrigada, é estou usando e vou observar, tbm vou reversar, ora o sabonete, ora o shampoo, pra ir acostumando. Tbm estou de olho no pó,estou fazendo um tratamento com argila e gostei, agora vou tentar por conta própria e mais natural, vlw pela dica, fico mais segura de testar agora. bjos.

    1. Oi, Suzana! A lush tem sim alguns produtos realmente naturais, mas os produtos capilares tem umas químicas super chatas…

  8. Olá Nyle, usei o phytoervas por 4 meses (sem sulfato… fiz uma lavagem inicial com shampo com sulfato e comecei a usar o phyto (low poo) ) e resolvi migrar pros vegans naturais, meu cabelo nunca foi oleoso, era normal seco e ressecado do comprimento pras pontas, porém usando o Shampoo Jaborandi e o condicionador para cabelos secos da Sal da Terra meu cabelo ficou muito oleoso inclusive com um aspecto de molhado mesmo no dia seguinte 😦 (uso a técnica de lavagem que vc ensinou aqui no blog, dividir em três partes e tal), estou procurando uma solução pois não considero meu cabelo oleoso e sim que ele ficou assim devido a transição. Já li muuuuita coisa a respeito tanto aqui quanto no projeto beleza saudável porém estou receosa em comprar um outro produto que não resolva/deixe ele muito ressecado/continue deixando oleoso. Você passou por isso? Sugere alguma coisa? Muito obrigada!

    1. Querida, eu apanhei muito até me dar bem com shampoos e condicionadores naturais. Uma marca que deu super certo pra mim no começo foi a Multi Vegetal, dá uma olhada! São natruais e mais em conta. 😉

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s