Como lavar pinceis

Como todo mundo sabe, higienizar os pinceis de maquiagem é imprescindível para evitar a proliferação de fungos/bactérias e consequentemente algum problema na nossa pele (alergias, espinhas, etc). No entanto, a limpeza precisa ser feita de forma correta, pois dessa forma não corremos risco de prejudicar a vida útil dos nossos pinceis.

Mesmo tendo inúmeros posts sobre o assunto, uma coisa que eu já notei é que difere muito de pessoa para pessoa: umas gostam de usar shampoo de bebê para lavar os pinceis, outras preferem sabonete líquido antisséptico e há, ainda, quem prefira comprar soluções higienizadoras que são próprias para pinceis mesmo.

De modo geral, o produto que você vai precisar para higienizar seus pinceis depende da função que aquele pincel desempenha. Por exemplo: um pincel de base, corretivo e batom costuma a pedir uma limpeza mais “pesada”, produtos que limpem mais; pinceis de blush, pó, iluminador, embora precisem de limpeza também, ela não precisa ser tão pesada assim.

No começo eu usava sabonete líquido antisséptico e atualmente eu tenho preferido o shampoo de bebê por ele ressecar menos as cerdas do pincel, é questão de preferência mesmo. Quando o pincel está muito imundo eu ponho demaquilante nas cerdas e massageio suavemente com os dedos para diluir os produtos que estiverem “encrustados” e posteriormente lavo com o shampoo de bebê.

O motivo pelo qual eu parei de usar sabonete antisséptico (além de achar que ele resseca um pouco as cerdas e as opções cruelty-free serem todas em barra) é que uma avaliação feita pelo Proteste concluiu que grande parte dos produtos mais famosos no mercado não são eficazes no combate às bactérias. Salvo algumas exceções, na prática, é como se você usasse um sabonete líquido normal.

Outro ponto importante em relação à lavagem dos pinceis é evitar movimentos grosseiros para não danificar as cerdas. Esse vídeo da maquiadora Paola Gavazzi mostra certinho como devemos fazer e dá inúmeras outras dicas, vale a pena assistir:

No caso de pinceis achatados, a lavagem deve ser em movimentos verticais (de um lado e de outro). No caso de pinceis grandes e fofos (como o de pó, kabukis) ou arredondados em geral, você pode fazer movimentos circulares para baixo, de modo a limpar “dentro” deles (reparem no minuto 5:05 do vídeo).

É importante também, como a Paola mesmo diz, não molhar o cabo: pode acontecer da cola “enfraquecer” e o pincel descolar com o tempo. Outra dica é não expor seu pincel a alterações de temperatura muito bruscas, pois a madeira pode rachar.

Caso você seja neurótica como eu, depois que os pinceis estiverem limpos, você pode colocá-los por uma ou duas horas no sol (que é um excelente fungicida/bactericida). Óbvio que você não vai deixar os pinceis lá torrando mil horas e tampouco vai fazer isso nos horários em que o sol está muito quente (ao meio dia, por exemplo). Eu coloco às 8 da manhã e tiro no máximo 9:30, acho o ideal.

Caso você seja alérgica ou não seja e queira evitar alergias, opte por lavar seus pinceis com produtos hipoalergênicos. Assim, eventuais resíduos que sobrarem nas cerdas não irão te causar problema!

Vale lembrar que para que o pincel não fique duro ou ressecado após a limpeza, você pode diluir condicionador em água (a solução deve ter mais condicionador do que água, claro), molhar os pinceis nessa mistura, deixar agir um pouco, lavar (só com água mesmo) e posteriormente deixar secar.

Essa dica anterior vale mais para cerdas naturais, no caso dos das cerdas sintéticas é preferível que, na hora da lavagem mesmo, você misture condicionador de bebê (em menor quantidade) e shampoo de bebê (em maior quantidade) e use essa solução para lavar os pinceis. Logo de cara você já previne o ressecamento!

Por último, fica o alerta: você não deve usar o secador de cabelo nos pinceis, eles precisam secar ao natural, sempre na horizontal e em um lugar bem arejado. Se você precisar muito do pincel e ele estiver molhado, você até pode usar o secador, desde que o ar seja em temperatura ambiente ou ligeiramente morna, nunca quente!

10 comentários sobre “Como lavar pinceis

  1. boa a dica de deixar os pincéis um pouco no sol!

    Nyle, se eu não me engano, tinha um post aqui (lá do comecinho do blog, acho) falando sobre um gel redutor de medidas que vinha num potão… fui procurar e não achei. você lembra o nome do post ou do gel?

    beijo 🙂

      1. SIIIM, obrigada!

        pra constar: parabéns pelo blog. pode não ser recorde de acessos, mas a proposta é diferente dos mil iguais que são criados a cada dia e falam sobre as mesmas “tendências”, os mesmo desfiles, os mesmo jabás (principalmente). acesso o lookaholic todos os dias, ele é muito (!) bem escrito e você aborda temas (e “campanhas”, como a cruelty-free) que não vejo muito por aí… nem pouco. espero que ele seja cada dia mais reconhecido e que você tenha cada vez mais batão pra passar nesse pouco beiço que você tem.

  2. Oii…
    Então… na verdade eu tenho preguiça de lavar meus pincéis…e não sei pq os meus levam cerca de 3 dias pra secar…daí imagino sempre.
    Mas as dicas são mto boas!
    Sobre o post anterior: dei uma olhada no seu post sobre primers. Muuito bom!
    Eu quero sim q vc me dê sua opinião sobre o vegan q vc comprou (qdo chegar, é claro!)!
    Na verdade eyu tava fuçando sobre makes orgânicas, e infelizmente só achei lojas internacionais. Eu nunca compro produto assim, pois tenho medo da receita taxar, e também acho q a comunicação com a loja fica meio comprometida. Tenho medo, resumindo!
    Minhas sombras não são das melhores pigmentações (inclusive a da nyx, uma decepção! ), por isso gosto de primer q intensifique a cor.Mas cm raramente uso sombras, dá pra ir levando…
    Bjus e até o próximo post!

    1. Preguiça eu também tenho e muito, mas infelizmente tem que fazer, porque se não dá zebra! Sobre as makes orgânicas, é assim mesmo, aqui no Brasil esse mercado é muito inexpressivo. Eu faço compra internacional quase todo mês e nunca fui taxada (mas também não abusei, nada meu nunca passou de $50 dólares). Se você se manter abaixo de $50, as chances de tu ser taxada são quase nulas, o único risco que você corre, ao escolher o frete mais barato, é de que sua mercadoria extravie. É um risco bem baixo, mas pode ocorrer e tal (comigo nunca houve). E sobre a comunicação, nem tem o que fazer, mesmo que tu for taxada, a loja não tem nada a ver com isso, infelizmente é problema nosso com a alfândega, eles sempre deixam bem claro que não se responsabilizam nem por encomendas extraviadas e tampouco por taxas. Comprar internacionalmente é vantajoso pelo preço que é bem barato, mas tem esses inconvenientes. Eu, particularmente, mesmo com tudo isso, sempre compro. Prefiro correr riscos do que pagar caro em algo que eu posso conseguir mais barato, mas né, questão de preferência mesmo.

      1. Entendo…quando digo sobre a comunicação com a loja, não é nem se tratando de taxa, pq sei q eles não se responsabilizam. É mais sobre conversar com o logista, tirar as dúvidas. Sei lá…deve ser falta de costume, mas tenho medo.
        Sem correr o risco de ser taxada, com certeza vale bem mais a pena mesmo. Mas fiquei com má impressão pq minha irmã na primeira compra q fez foi taxada, e demorou mais d 2 meses pra chegar…mas enfim…

      2. Ah, se ela passou de 50 dólares e pegou o frete mais barato, é totalmente possível! Além disso, há algum tempo atrás, tava rolando a maré vermelha na receita federal, estavam taxando até o ar que você respira hahhaha mas já normalizou. 🙂

  3. Nyle, o que voce acha da info da Sephora sobre as marcas (de pinceis) que eles vendem (sao as private labels) serem cruelty-free? Vide abaixo:

    “Could you please tell me what private labels from Sephora Brand are completely cruelty free (not even use animal raw material)? Yours faithfully.

    Thank you for contacting Sephora.com.

    Our private label brand Sephora Brand is cruelty free (meaning that the products have never been tested on animals). At Sephora we carry over 200 other brands and we cannot guarantee that all the products from these brands are cruelty free.

    Here is a list of some of brands that we carry that do not test on animals:

    Amazing Cosmetics
    Anthony Logistics
    B. Kamins Chemist
    Balmshell
    Bare Escentuals
    Benefit Cosmetics
    Blinc
    Bliss
    Boscia
    Bremenn Research Labs
    CARGO
    Carol’s Daughter
    Caudalie
    CHANEL
    Clarins
    Clean
    Cosmedicine
    DDF
    Dermadoctor
    Dr. Brandt Skincare
    DuWop
    Frederic Fekkai
    Fresh
    Jack Black
    Jonathan Products
    Juice Beauty
    Kat Von D
    Korres Natural Products
    L’Occitane
    Laura Mercier
    LaVanila Laboratories
    Murad
    Mustela
    NARS
    Nude
    Ojon
    Ole Henriksen
    Perfekt
    Perricone MD
    Peter Thomas Roth
    Philosophy
    Phyto
    REN Clean Skincare
    René Furterer
    Rosebud Perfume Co.
    Skyn Iceland
    Smashbox
    Stila Cosmetics
    Tarte
    TheBalm
    Too Faced Cosmetics
    Urban Decay
    Zirh

    If we can assist you further please feel free to contact us at http://www.sephora.com.

    Sincerely,”

    1. Então, eu já ouvi esse papo de que a Sephora era cruelty-free, mas não sei te dar 100% de certeza se é visto que, caso fosse, ela estaria na lista da PETA e não está. Fora que a resposta é meio duvidosa, no email só diz que os produtos em si não são testados, mas não fala nada sobre ingredientes, ou se ela manda terceiros fazerem os testes. Certamente é por isso que ela não está na lista cruelty-free!

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s