De olho: Lindsey Wixson


Se tem uma coisa que eu admiro no mundo da moda é o conceito de “perfeição” e normalidade ficar em segundo plano na maioria das vezes. O ideal de belo é totalmente diferente, tudo que na nossa realidade é considerado feio, estranho ou antiquado, no mundo da moda pode ser arte, pode ser bonito, acho isso sensacional.

Antes de começar a me interessar por esse papo de editoriais, revistas, modelos e passarelas, eu confesso que o meu conceito de mulher bonita era totalmente diferente. Se fosse há alguns anos, o fato de uma mulher ter os dentes separados seria o suficiente para eu dizer em tom solene que essa mulher é feia.

Felizmente, depois de perder quilos de ignorância ao longo dos anos e adquirir um pouco mais de sensibilidade, aprendi a ver beleza em alguns defeitos. Não digo que hoje eu acho tudo lindo, não é isso, mas eu simplesmente aprendi a “avaliar” a aparência de uma pessoa no conjunto e não me prender somente em particularidades.

Às vezes um “defeito” pode ser interessante, pode tornar a aparência de uma pessoa única, e é exatamente isso que vejo na Lindsey Wixson (há pouco tempo eu já havia falado dela aqui no blog, lembram?): a beleza dela é tão incomum que achei legal fazer um post dedicado a isso. Além do que, suas fotos rendem inúmeras inspirações, vale a pena ficar de olho nela.

Bocão vermelho, olhos marcados (delineado e cílios de boneca) e cabelos com inspiração anos 50.

Lindsey começou no mundo da moda relativamente cedo (assim como nossa querida Gisele e a maioria das modelos conceituadas): em 2010, com 16 anos, foi garota propaganda da coleção primavera/verão da famosa grife Miu Miu. A partir daí a modelo deslanchou e nos anos seguintes foi clicada para Versace, Mulberry, Alexander McQueen, entre outras grifes de peso.

Roxo clarinho (ou seria lilás?) no côncavo/rente aos cílios inferiores e blush rosa bem sutil

Por falar em cliques, Lindsey já participou de editoriais para diversas Vogues (Italiana, Alemã, Britânica, Chinesa, Japonesa), para a Elle UK, Harper’s Bazaar. E bom, se fôssemos comentar sobre todos os desfiles que ela já participou, ficaríamos até amanhã: quem acompanha o blog sabe ou viu seu rosto em inúmeros posts sobre as semanas de moda ao redor do mundo. A modelo (que mês passado completou 18 anos) já tem um currículo bem recheado para a sua idade, não é não?

Uma das coisas que mais admiro nela é o modo como ela sorri para as fotos! É algo tão natural e meigo, dificilmente quem tem dentes separados, tortinhos ou qualquer outro “defeito” consegue sorrir tão espontaneamente. Admiro isso porque é raro eu tirar fotos sorrindo (mesmo meus dentes sendo normais), e quando tiro é tão forçado que é melhor deletar a foto (ou queimar, de repente). Para mim, observá-la é um leve tapa na cara.

Com os carões do Met Ball e os carões da Lindsey, inspiração para nós no final de semana não vai faltar: batom vermelho é coringa, todo mundo tem um em casa, a não ser que a pessoa não goste mesmo. Vale apostar também na maquiagem dos olhos: cores neutras para as discretas, cores alegres para quem gosta de ousadia. O bom é que nas fotos da Lindsey podemos nos inspirar em inúmeras maquiagens, das mais simples (que dá para fazer com lápis kajal preto ou azul, por exemplo) até as mais elaboradas (com puxado dramático ou um esfumado mais intenso).

Tá, meu bem.

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s